20 de junho de 2014

Lei da compensação

A minha mais velha parte hoje com os meus pais para uma semana de praia e piscina no sul. Só a volto a ver daqui a 8 dias, na festa de final de ano da escola. Sinto-me como uma espécie de quente e frio: se, por um lado, vou ter uma semana mais relaxada em que vou ter tempo para me dedicar a alguns projectos pessoais, por outro lado as saudades já apertam e ela ainda nem sequer acenou adeus. Não sei como vou sobreviver a uma semana só com uma filha. É que uma pessoa a sério que se habitua.

* Convém dizer que foram os avós que insistiram muito nesta semana de férias. Talvez se a tivéssemos "despachado" por motivos de liberdade pessoal (aqui, os pais extremosos devem tapem os olhos) só começasse a suspirar pelos cantos lá para o fim da semana... O que vale é que, quando há dois filhos, a lei da compensação funciona melhor. Ou acabei de dizer um grande disparate?

1 comentário:

  1. Compreendo-te... e não, não acabaste de dizer um disparate!

    ResponderEliminar